Zelensky fala de Johnson como “exemplo” no conflito entre Ucrânia e Rússia

28/03/2022

O presidente da Ucrânia disse que o governo britânico estava “definitivamente do lado” da Ucrânia, e deixou rasgados elogios ao primeiro-ministro do Reino Unido, dizendo que este era “um exemplo”.

“Os líderes dos países reagem de acordo como as instituições reagem. Neste caso, Johnson é um exemplo”, disse Volodymyr Zelensky em entrevista ao Economist, publicada este domingo.

O governante acrescentou que Boris Johnson não está a fingir ser um intermediário e que em relação ao presidente de França. Emmanuel Macron, disse que o britânico estava a ajudar mais.

Zelensky disse ainda que havia diferentes tipos de interesses no fim do conflito, explicando que sabia que havia países que queriam que o conflito terminasse o mais rapidamente possível e “a todo o custo” por forma a terem acesso aos bens e mercados russos, que na sequência das sanções impostas por alguns países têm vindo também estes a dificultar o acesso.

A guerra provocou a fuga de 10 milhões de pessoas, incluindo mais de 3,8 milhões de refugiados em países vizinhos e quase 6,5 milhões de deslocados internos.

A ONU estima que cerca de 13 milhões de pessoas necessitam de assistência humanitária na Ucrânia.

A invasão russa foi condenada pela generalidade da comunidade internacional, que respondeu com o envio de armamento para a Ucrânia e o reforço de sanções económicas e políticas a Moscovo.


Faixa Atual

Título

Artista