Ucrânia e Rússia já terão chegado a um plano provisório para a paz

16/03/2022

A Ucrânia e a Rússia já terão feito progressos e elaborado um plano de paz provisório – composto por 15 pontos -, que inclui um cessar-fogo e a retirada das tropas russas do território ucraniano. 

A informação é avançada pelo Financial Times, que cita três fontes envolvidas nas negociações, e o jornal dá conta de que os 15 pontos para chegar a um acordo foram discutidos, pela primeira vez, na segunda-feira. 

Outra das exigências do acordo, é que estará definido que Kyiv colocará de lado o objetivo de se juntar à NATO e não terá bases militares estrangeiras, em troca de proteção de países como os Estados Unidos, Reino Unido e Turquia. 

Recorde-se que, já esta quarta-feira, o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, disse que “o modelo austríaco ou sueco de um Estado desmilitarizado está a ser discutido para a Ucrânia e pode ser visto como uma opção para um compromisso”.

Por seu lado, o ministro dos Negócios Estrangeiros russo referiu que há “termos absolutamente específicos” estavam “perto de ser acordados” nas negociações.

A quarta ronda de negociações – que já foi interrompida por duas vezes – prossegue. A Rússia lançou a 24 de fevereiro uma ofensiva militar na Ucrânia que já matou pelo menos 691 civis e feriu mais de 1.140, incluindo algumas dezenas de crianças, além de provocar a fuga de cerca de 4,8 milhões de pessoas, três milhões das quais para os países vizinhos, segundo os mais recentes dados da ONU.


Opnião dos Leitores

Leave a Reply

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



Faixa Atual

Título

Artista