Tony Carreira lamenta preconceito das rádios: "Já magoou, agora não"

05/07/2022

Tony Carreira esteve à conversa com Cláudio Ramos e Maria Botelho Moniz no programa ‘Dois às 10’ desta segunda-feira, 4 de julho. O músico, de 58 anos, conta com muitos sucessos na sua carreira, que apesar de serem muito ouvidos não passam nas maiores rádios nacionais.

“As minhas músicas não tocam em lado nenhum. Há um preconceito, naturalmente, e que eu tenho a noção que é para a vida”, começa por referir. 

“Já magoou, mas agora já não. Claro que gostaria mais que tocassem, mas não tocando já não me incomoda assim tanto, porque já me habituei à ideia e, no fundo, não impede nada de acontecer, porque tenho um público extraordinário”, nota ainda. 

Por outro lado, Tony confessa que ainda hoje se sente inseguro em relação ao palco. “Condeno o vedetismo, a arrogância, são coisas que não gosto mesmo. Condenando não posso ser um tipo extremamente seguro, mas a insegurança não é mau e fica em nós uma responsabilidade de trabalhar para as coisas que corram bem”. 

Veja o momento. 

Leia Também: “Sou um bocadinho a dor de cabeça”. Tony Carreira explica porquê


Faixa Atual

Título

Artista