Prisão perpétua para alemão que matou operador de caixa de gasolineira

13/09/2022

Publicidade

Um homem de 50 anos foi condenado, esta terça-feira, a prisão perpétua na Alemanha pelo assassinato de um operador de caixa de uma bomba de gasolina, no ano passado. O crime terá acontecido porque o funcionário insistiu que o homem usasse uma máscara contra a Covid-19.

De acordo com a agência Reuters, o operador de caixa foi atingido por um tiro na cidade de Idar-Oberstein.

Quem avança com as informações do julgamento é a agência de notícias alemã DPA que informa que o tribunal considerou o que o homem, identificado apenas como Mario N, era culpado de assassinato acabando com a sentença de prisão perpétua.

Publicidade

Em tribunal, o homem admitiu ter morto o trabalhador com cerca de 20 anos no posto de gasolina, porém chegou a alegar culpa limitada por estar sobre o efeito de álcool.

Apesar disso, os promotores concluíram que o funcionário pediu ao homem que cumprisse as regras e usasse uma máscara facial enquanto pagava pela cerveja algo que o homem recusou abandonando o local. Mais tarde, regressou com uma máscara, puxou-a para baixo ao aproximar-se da caixa e atirando na cabeça do funcionário.

A vítima morreu imediatamente e Mario N. entregou-se mais tarde às autoridades onde foi imediatamente detido.

A chanceler alemã na altura, Angela Merkel, condenou o assassínio, apelidando-o de “horrível”. “O Governo condena fortemente este assassínio”, disse a porta-voz de Merkel numa conferência de imprensa, denunciando esta “violência que deixa sem palavras” qualquer pessoa.

Leia Também: Ifo corta crescimento da Alemanha para 1,6% em 2022


Opnião dos Leitores

Leave a Reply

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



Faixa Atual

Título

Artista