Morte de golfista portugues. Condutor que causou acidente tem 13 anos

18/03/2022

Era um adolescente de 13 anos que conduzia a pickup que colidiu, na terça-feira, com uma carrinha, no Texas, num acidente de viação que vitimou um jovem português.

De acordo com o vice-presidente do Conselho Nacional de Segurança nos Transportes, Bruce Landsberg, o adolescente circulava em sentido contrário e o pneu da frente da pick-up terá rebentando antes do choque frontal.

No estado norte-americano do Texas é preciso ter 14 anos para iniciar as aulas de código e 15 para obter licença provisória para conduzir com um instrutor.

Para além de seis estudantes universitários, morreu também o treinador da equipa e dois ocupantes do outro veículo acidentado. Outros dois estudantes foram hospitalizados em estado crítico. 

Entre as vítimas mortais está Tiago Sousa, de 18 anos, que frequentava o 1.º ano de faculdade na Universidade de Southwest, no Novo México. 

O jovem português seguia na carrinha com a sua equipa de golfe universitária, que estava a regressar de uma competição.

Segundo as autoridades, citadas pela Associated Press, a carrinha pickup terá atravessado o separador central da autoestrada, na noite de terça-feira, colidindo com o veículo que transportava os atletas, que regressavam de um torneio, em Midland, no Texas.

A Federação Portuguesa de Golfe já lamentou a morte do jovem, que era membro da Associação da Quinta do Lago, no Algarve, e “presença regular nas competições”.


Faixa Atual

Título

Artista