Milhares de pessoas retiradas do leste da China antes do tufão Muifa

14/09/2022

Publicidade

O tufão atingiu o continente chinês às 12:00 na China (05:00 em Lisboa), na província de Zhejiang (leste), com ventos e chuvas fortes.

A imprensa local informou que 719.000 pessoas foram retiradas em Zhejiang.

As autoridades chinesas preveem ondas entre seis e 10 metros de altura no Mar do Leste da China, entre as 12:00 de quarta e quinta-feira, informou o jornal The Paper.

Publicidade

Os ministérios da Defesa e da Emergência pediram às cidades portuárias de Zhoushan e Ningbo que tomem precauções antes da chegada da tempestade.

A cidade de Xangai, a ‘capital’ financeira do país, suspendeu parte das operações no porto de Yangshan.

As previsões estimam que os ventos atingirão uma força máxima de nível 15 (entre 166 e 186 quilómetros por hora) em algumas áreas, até quinta-feira.

As autoridades marítimas pediram aos navios que operam nas águas da região que tenham extrema cautela. Mais de 11.000 barcos de pesca, que pescavam na costa de Zhejiang, retornaram à costa na terça-feira.

O tufão afetou também o tráfego aéreo no leste da China: 589 voos foram hoje cancelados nos dois aeroportos de Xangai. O aeroporto da cidade de Ningbo cancelou todos os voos.

O aeroporto de Hangzhou, capital da província de Zhejiang, também registou vários cancelamentos, segundo portais especializados.

As ligações ferroviárias foram alteradas após o cancelamento de alguns dos serviços entre as principais cidades do leste do país, como Xangai, Hangzhou, Nanjing, Hefei, Wenzhou ou Jiaxing.

As aulas foram também suspensas em várias cidades.

Leia Também: Receitas de carga da TAAG cresce acima das expectativas com apoio chinês


Opnião dos Leitores

Leave a Reply

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



Faixa Atual

Título

Artista