Maria Botelho Moniz em lágrimas. "Acredito que não exista dor maior"

30/06/2022

Maria Botelho Moniz ficou lavada em lágrimas esta quinta-feira, 30 de junho, ao conhecer em direto, no programa ‘Dois às 10’, a história de duas mães cujos filhos morreram. 

Maria Galiere perdeu há vários anos o filho, um bebé que tinha apenas um mês e meio, e Olga Martins teve a dolorosa missão de despedir-se da filha, de 21 anos. 

“Só vos posso agradecer, porque não fazendo ideia o que é estar no vosso lugar, acho que, tanto eu aqui sentada como quem está em casa, mesmo não estando na vossa posição, não é difícil perceber que nunca mais se é o mesmo e que faltará sempre um pedaço da vossa carne”, afirmou, lavada em lágrimas, a comunicadora. 

Não sei que dor é essa, mas acredito que não exista dor maior. Sei o que já sofri com as perdas que tive, e sei que nada se compara à dor da vossa perda“, completou Maria, referindo-se à morte do namorado de longa data (2014), com quem ia casar-se, e à partida do pai (2018). 

Leia Também: Maria Botelho Moniz indignada com comentários: “Muitas vezes choro”


Faixa Atual

Título

Artista