Las Vegas. Funcionário de loja dispara sobre cliente por não usar máscara

19/02/2022

Em Las Vegas, nos Estados Unidos, um funcionário de uma loja de conveniência colocou termo à própria vida minutos depois de disparar sobre um cliente que, para além de se ter recusado a usar uma máscara facial no interior do estabelecimento, saiu do mesmo sem pagar os três pacotes de batatas fritas que levou consigo.

Segundo um relatório policial referente ao incidente, citado pelo The Guardian, o colaborador da loja teria sofrido acusações criminais caso tivesse sobrevivido.

O incidente, que decorreu a 6 de fevereiro, aconteceu precisamente quatro dias antes do governador local, Steve Sisolak, ter levantado a obrigatoriedade do uso de máscara no Estado de Nevada.

No seguimento do mesmo, a ex-namorada do cliente levou-o até um hospital próximo, onde viria a receber tratamento devido ao ferimento de bala que tinha sofrido no ombro.

“Devido aos factos e às circunstâncias aprendidas na altura do incidente, [o funcionário] teria sido acusado caso tivesse sobrevivido”, referia o mesmo relatório policial, segundo o The Guardian.


Faixa Atual

Título

Artista