Cazaquistão volta a mudar nome da capital. É a 2.ª vez em três anos

14/09/2022

Publicidade

O presidente do Cazaquistão, Kassym-Jomart Tokayev, anunciou, na terça-feira, que a capital do país, Nur-Sultan, voltará a chamar-se Astana. A decisão surge três anos após a cidade ter sido ‘rebatizada’ em homenagem ao primeiro presidente do país, Nursultan Nazarbayev.

A 21 de março de 2019, o parlamento do Cazaquistão aprovou a proposta do então presidente interino, Kassym-Jormart Tokayev, de renomear a capital do país com o nome do seu antecessor, que havia renunciado ao cargo no dia anterior.

Segundo porta-voz do presidente, citado pela imprensa internacional, a mudança de nome surgiu após uma iniciativa após uma iniciativa de um grupo de parlamentares.

Publicidade

“O presidente foi informado acerca de uma iniciativa dos deputados, que por sua vez se basearam em sugestões repetidamente expressas em reuniões com a população, bem como em inúmeros discursos de cidadãos”, explicou.

Por considerar que Nursultan Nazarbayev teve um “papel decisivo” no “fortalecimento do Estado moderno do Cazaquistão e no estabelecimento da capital como um fato histórico”, o atual presidente frisou que “outros marcos com o nome do primeiro presidente manterão os seus nomes”.

Nursultan Nazarbaiev assumiu o poder no Cazaquistão em 1989, quando o país ainda mantinha o estatuto de república soviética e conservou o poder após a independência, em 1991, na sequência da desagregação da União Soviética. 

Leia Também: China mostra apoio a Cazaquistão, vizinho preocupado com ambições russas


Opnião dos Leitores

Leave a Reply

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



Faixa Atual

Título

Artista