Apoio de 125 euros começa a ser pago a 20 de outubro

25/09/2022

O apoio extraordinário de 125 euros, anunciado pelo Governo no âmbito de um conjunto de medidas de combate à inflação, começa a ser pago a partir do dia 20 de outubro, anunciou Luís Marques Mendes na SIC.

“Este cheque-família, a partir do dia 20 de outubro, começará a chegar às contas bancárias das famílias que a ele têm direito”, anunciou o antigo presidente do PSD no seu espaço habitual de comentário aos domingos.

De acordo com o comentador, o apoio abrange cinco milhões de portugueses “ou até mais”. 

“As pessoas que têm direito a este apoio, que tratem de atualizar junto das Finanças, de um lado, e da Segurança Social, o IBAN”, alertou.

A data ainda não foi oficialmente confirmada pelo Governo. O Notícias ao Minuto já tentou contactar o Ministério das Finanças, mas ainda não obteve resposta.

Recorde-se que, conforme anunciou o Executivo no início de setembro, cada cidadão não pensionista com rendimento mensal até 2.700 euros vai receber em outubro um pagamento extraordinário de 125 euros, estando ainda previsto um subsídio de 50 euros por dependente a todas as famílias.

Este pagamento é feito de uma única vez em outubro e não abrange pensionistas.

Já o pagamento extraordinário de 50 euros por dependente será pago a todas as famílias independentemente do seu rendimento, sendo abrangidos os dependentes até aos 24 anos que estejam a cargo.

[Notícia atualizada às 22h07]

Leia Também: Dúvidas sobre o ‘cheque’ de 125€ e o apoio para filhos? Governo esclarece


Faixa Atual

Título

Artista